quarta-feira, 31 de maio de 2017

Pastel de arroz doce

Esta receita foi uma tentativa de fazer um pastel de nata sem glúten e sem leite de origem animal...digo tentativa porque não consegui, por enquanto, mas fiz uma coisa óptima, um paste de arroz doce ( sem o arroz mas com o sabor!!)

Pastel de arroz doce

Ingredientes:

➤ Base:
  • 225 g de farinha de milho
  • 170 g de farinha de arroz
  • 4 ovos
  • 1 colher de sobremesa de mel
  • 10 colheres de sopa de óleo vegetal
➤ Recheio:
  • 375 ml de leite de arroz
  • 3 ovos e 1 gema
  • 2 colheres de sopa de amido de milho
  • 2 colheres de sopa de açúcar mascavado
  • casca de limão
  • 1 pau de canela
Preparação:

➤ Base:
  1. Bater, com um garfo, os ovos, o óleo e o mel.
  2. De seguida, misturar as farinhas e mexer até formar uma massa homogénea, que não cole às mãos.
  3. Fazer bolas pequenas e espalhar cada uma delas em formas de queques e furar com um garfo e levar ao forno 5 a 10 minutos, a 210ºc.
➤ Recheio:
  1. Numa panela, coloque o leite, os ovos e a gema batidos, o amido de milho, o açúcar, a casca de limão e o pau de canela. Mexa com uma vara de arames e leve ao lume brando, mexendo sempre até a mistura engrossar.
  2. Quando a mistura estiver com a consistência desejada desligue o lume, retire a casca de limão e o pau de canela.
  3. Verta o preparado sobre as bases já prontas e arrefecidas e leve novamente ao forno a 180ºc., até ficarem douradinhas.
  4. Sirva com canela em pó.

terça-feira, 30 de maio de 2017

Iogurte de Tofu

Aqui vai a minha próxima receita, o meu primeiro iogurte caseiro, vegetariano. Posso garantir que é óptimo e simples de fazer!

Iogurte de Tofu

Ingredientes:
  • 200 g de tofu
  • 100 ml de leite vegetal ( eu utilizei o de arroz, mas podem escolher o que mais gostarem)
  • 1 colher de sopa de pasta de amendoim
  • 2 bananas
  • 1/2 limão ( sumo)
  • sal q.b.
Preparação:
  1. Bata tudo no liquidificador e sirva gelado.
  2. Pode servir com cereais sem glúten, flocos de aveia sem glúten ou flocos de arroz. 
Dica:
  1. Em vez de banana pode substituir e fazer com outra fruta, como, morangos, maçãs, peras ou outra fruta que preferir. Eu já fiz com bananas e depois com morangos e ficaram muito bons os dois.

Mais uma etapa ultrapassada!

Boa tarde, antes da próxima receita tenho que vos contar mais uma conquista minha.
Hoje pesei-me e já estou na barreira dos 60...kg, 69,8 kg! Estou tão feliz, porque há mais de 7 anos que não pesava assim.
Tinha que vos dizer para vos dar mais uma forcita para não desistirem nunca dos vossos sonhos, porque pode demorar mas conseguimos lá chegar!

segunda-feira, 29 de maio de 2017

Pão de Arroz

Como prometido aqui vai a minha primeira receita neste espaço, é um pão sem glúten, pode não ter uma fotografia bonita, mas o sabor é óptimo:) Experimentem e digam me a vossa opinião.

Pão de Arroz

Ingredientes:

  • 4 ovos
  • 200 ml de leite vegetal ( eu utilizei o de arroz)
  • 1/2 chávena de chá de azeite
  • 1 chávena de chá de arroz cru
  • 1 colher de chá de sal
  • 1 colher de sopa de fermento

Preparação:
  1. Pré- aqueça o forno a 180º c.
  2. Demolhe o arroz durante 4 horas.
  3. Retire a água e com a ajuda de um liquidificador, misture o arroz com todos os ingredientes, à escepção do fermento.
  4. Junte o fermento quando a mistura estiver 100% homogénea, batendo por alto.
  5. Unte uma forma com azeite e leve ao forno durante 30 a 35 minutos.
  6. Deixe arrefecer e sirva.


domingo, 28 de maio de 2017

História de emagrecimento e outras coisas boas...

Desde os meus 22 anos que comecei a engordar e a tentar várias dietas, só que voltava sempre ao mesmo peso, ou mais, e acabava por desistir. O vício da comida sempre foi maior do que a vontade de emagrecer. O culminar do aumento de peso foi após o meu filho nascer, atingi os 86kg.
Ora, já não bastava o peso excessivo, especialmente com o meu tamanho, 1,55 m, ainda tinha uma depressão que teimava em não desaparecer. Tomei medicamentos, idas a psicólogos, nutricionistas, enfim tentei tudo, e nada, sempre na mesma.
Até que, nos meus 34 anos, entrou uma pessoa na minha vida que mudou tudo, a Sofia, uma grande amiga, que me deu várias ferramentas para ultrapassar tudo e conduziu-me até à médica homeopática que me salvou a vida, Dr. ª Cristina, mostrando-me a verdade sobre os alimentos. Ou seja, eliminar os alimentos com glúten do meu cardápio, leite de origem animal e seus derivados e o açúcar (especialmente o refinado).
Comecei a comer bem logo no primeiro dia, tendo nessa noite, ao jantar, um teste,( o qual posso dizer que passei com distinção), o meu marido comprou lasanha, que eu adoro, e eu consegui não comer, comi antes, grão de bico cozido, espinafres e atum em lata!
Até hoje tem sido sempre assim e continuo a comer  o que gosto e me faz feliz, como vão ver neste espaço.
Desde que comecei a ter esta boa alimentação, já perdi 14,3 kg. Comecei no dia 17 de Outubro de 2016 com 84,4kg e neste momento tenho 70,1 kg. Claro que não é só com uma alimentação correcta, também faço caminhadas.[Ah !E não vou ficar por aqui na perda de peso!]
Ter começado a comer bem e a caminhar, não só me levou a perder o peso excessivo, mas também  levou e leva-me a ter uma maior autoestima, deixei de ter enxaquecas( que as tinha devida ao consumo do leite e seus derivados) e muito importante deixei de sobreviver, que era o que eu fazia, para começar a viver!
A última vez que me lembro de me sentir assim, tão feliz e positiva, ainda era pequenina.
Espero que ao lerem o blogue se possam ajudar e de inspirem para começarem a viver. Nunca é tarde para ser feliz!
" Só é impossível até acontecer."( Nelson Mandela)
Obrigado!